Escolher o gateway de pagamento que vai ser utilizado em uma serventia não é uma tarefa fácil. Isso porque existem muitas opções no mercado com preços, funcionalidades, benefícios e recursos diferentes. Então, muitos oficiais ficam na dúvida: como escolher o provedor de serviços financeiros certo para o cartório?

Uma má escolha pode acabar custando tempo e dinheiro à serventia. Já a decisão certa pode otimizar a gestão e o atendimento. Por isso, neste artigo, vamos elencar para você, notário, tabelião e gestores de unidades do segmento cartorial, as cinco principais dicas para escolher o gateway de pagamento perfeito para o seu cartório.

Acompanhe a leitura!

Entenda o que é um gateway de pagamento:

Gateway de pagamento é um sistema de conexão que atua como intermediário entre o usuário e as instituições bancárias. A tecnologia financeira permite que a operação seja realizada com extrema segurança da informação. Todos os dados são protegidos com criptografias e armazenados em ambiente seguro para preservar a privacidade do usuário e evitar vazamentos e exposições, como estabelece a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Vantagens

Entre as principais vantagens de aderir um gateway de pagamento, com certeza, é a segurança que proporciona para o cartório e seus usuários. As transações são realizadas com dados criptografados e armazenados em ambiente seguro, garantindo que as informações processadas estejam seguras.

Outro destaque é a flexibilidade nas modalidades de pagamentos. A grande maioria dos gateways aceitam funcionalidades para cobrança presencial, como cartão de débito e crédito na maquininha, e para o ambiente online como boleto bancário, Pix e link de pagamento. O sistema também permite um melhor controle das movimentações, emissão de relatórios detalhados e APIs para integração da plataforma ao sistema de gestão empresarial, facilitando e otimizando o gerenciamento de todos os setores da organização em um único espaço.

Dicas para escolher o gateway para cartório

Aqui estão algumas dicas que você deve ter em mente ao escolher o gateway de pagamento certo para sua serventia:

  • Opte por empresas alinhadas ao segmento extrajudicial, porque ela terá funcionalidades personalizadas para cartórios.
  • Vale lembrar que a LGPD também é aplicada aos meios de pagamento. Então, escolha um gateway que seja certificado em LGPD para oferecer proteção contra fraudes e recursos de segurança.
  • Se seu cartório oferece atendimento online, certifique-se de que o gateway seja compatível com o software do seu site e sistema.
  • Considere as taxas de transação associadas ao gateway de pagamento.
  • Certifique-se de que a empresa ofereça suporte rápido e personalizado em caso de dúvidas ou problemas.

Seguindo essas dicas simples, você pode ter certeza de que escolheu o gateway de pagamento certo para seu cartório.

Parcela Express, o gateway de pagamento feito para o seu cartório!

A Parcela Express é um gateway de pagamento exclusivo para o segmento extrajudicial. Ela está presente em mais de 2.000 serventias e nas principais centrais eletrônicas do país, como e-Not Assina, Anoreg/AM, Cenprot Nacional, Cenprot São Paulo, Cartórios Maranhão, dentre outras.

A empresa, certificada na Lei Geral de Proteção de Dados, conta com um sistema desenvolvido com tecnologia de ponta e garante aos usuários segurança nas movimentações, conforme estabelece a legislação.

Com a Parcela Express você facilita a gestão do seu cartório, oferece meios de pagamentos diversificados e modernos para os seus clientes, com suporte personalizado, painel para controle financeiro completo, maquininhas e serviços a custo zero.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.